Acompanhar o desenvolvimento da visão das crianças é tão importante quanto acompanhar o desenvolvimento do resto do corpo. Normalmente, os pais levam seus filhos para a primeira consulta oftalmológica quando há alguma dificuldade de visão na sala de aula. O que nem todos sabem é que o primeiro exame de visão (conhecido como teste do olhinho) deve ser feito ainda na maternidade.

Ainda que não consigam se expressar, muitas crianças sofrem com problemas na visão – o que compromete o aprendizado e desenvolvimento. A miopia, o astigmatismo e a hipermetropia são os problemas de vista mais comuns em crianças e bebês.

Segundo o Ministério da Saúde, 30% das crianças em idade escolar (dos 4 aos 17 anos) apresentam algum problema de visão. Além disso, a estimativa da Agência Internacional de Prevenção à Cegueira é que no Brasil existem aproximadamente 29 mil crianças cegas devido a doenças oculares que poderiam ter sido evitadas ou tratadas.

Além disso, a televisão, o computador e os celulares são aparelhos que exigem demais dos olhos da criança e estão muito presentes no dia a dia dos pequenos. Portanto, se o seu filho apresenta dores de cabeça na escola, tem olhos irritados ao fazer suas tarefas escolares ou franze a testa na hora da leitura, é provável que ele tenha algum problema de visão.

Apesar de todo o cuidado e atenção, é muito difícil para os pais e professores identificarem o problema sem o auxílio de um médico oftalmologista; e como 90% do desenvolvimento da visão ocorre até os dois anos de idade, é importante estar atento e procurar ajuda médica em caso de dúvidas.

Caso o seu filho apresente algum problema de visão, não se preocupe! Durante o mês de outubro no Instituto dos Óculos, você compra um par de óculos infantil completo e seu filho GANHA outro de presente + lentes anti-quebra com garantia de 6 meses nas duas armações.

Consulte o regulamento em uma de nossas unidades com um de nossos consultores.

Encontre a unidade mais próxima de você.

×